Postagens Recentes

População deve evitar praias atingidas por manchas de óleo



O diretor-presidente da Administração Estadual do Meio Ambiente (Adema), Gilvan Dias, informou neste sábado, 5, que a população deve evitar os trechos de praia atingidos pelas manchas de óleo. O problema atinge todos os estados do Nordeste.

De acordo com Gilvan Dias, embora os índices de balneabilidade estejam dentro dos parâmetros permitidos pela legislação, o contato com areia nestes trechos devem ser evitado. A água está apta para o banho no que se refere à resolução do Conama, mas a gente pede que as pessoas evitem esses trechos porque a areia tá contaminada. A praia não é feita somente da lâmina d’água, mas também da areia. Por isso, nós pedimos atenção e enquanto órgão ambiental, não estamos classificando como aptas as áreas que estão sendo grosseiramente atingida pela substância, explica o diretor-presidente da Adema.

Equipes da Adema, Ibama, Prefeitura de Aracaju, Prefeitura de Socorro, Petrobras e Celse estão mobilizadas para fazer a limpeza das praias. Um grupo de voluntários também se somou aos órgãos e está ajudando na remoção das manchas de óleo nas praias de Aracaju.

Segundo a Adema, apesar da limpeza, as substâncias continuam sendo trazidas pelo mar e reaparecendo nas faixas de areia, sobretudo na região da Ponta dos Mangues, em Pacatuba, e na Reserva Santa Isabel, em Pirambu, considera o maior santuário das tartarugas marinhas no Brasil.

por Verlane Estácio (Infonet)


Nossa Localização

O que achou do site?