Projeto de Lei do Cabo Amintas para gratificar guardas municipais recebe voto contrário de Nitinho

O Projeto de Lei 178/2017 de autoria do vereador Cabo Amintas (PTB) foi votado e negado nesta terça-feira, 10, no plenário da Câmara Municipal de Aracaju (CMA).

 

O projeto que tinha por objetivo gratificar os guardas municipais de Aracaju no ato de apreensão de arma de fogo foi aprovado em primeira votação, mas negado na segunda após várias discussões.

 

Em defesa do PL de gratificação, Amintas declarou que na descrição do documento explica os gastos e de onde poderia ser retirada a verba para a gratificação, que seria em torno de R$ 2 milhões por ano. "O dinheiro pode sair de outros setores, já que a prefeitura vai gastar R$ 18 milhões com publicidade e R$ 26 milhões com eventos. O senhor, presidente Nitinho é quem vai decidir o destino da Guarda Municipal, o senhor que vai dizer se os guardas, quando apreendem uma arma ilegal e salvam vidas, merecem ser gratificados", apelou o petebista.

 

Os votos estavam empatados em 10 a 10, até o desempate desfavorável do vereador presidente da CMA, Nitinho Vitale (PSD) que alegou ser inconstitucional o projeto.

 

 

Please reload

Postagens Recentes

Atenção PRÉ CANDIDATOS

July 27, 2020

ABERTURA DE VAGA PARA ESTAGIO

July 20, 2020

Hospital de Campanha tem 179 recuperados e 43 internados

July 15, 2020

1/1
Please reload

Nossa Localização

O que achou do site?